Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

Qui | 27.12.18

É PRECISO CORAGEM!

fullsizeoutput_30a2

 

O fim do ano é sempre tempo de balanço e reflexão …


2018 foi um ano bom para mim. Ainda não foi desta que saltei de para-quedas, mas já não deve faltar muito 😃.

 

Acho que a vida é muito semelhante a saltar de um avião a 3 mil metros de altura: É preciso ter coragem!

 

A diferença é que quando saltas de um avião podes esperar pelas melhores condições meteorológicas e ter a segurança de um para-quedas para te proteger na descida.


Na vida não tens o luxo de poder esperar pelo melhor momento para dar aquele passo que pode mudar tudo, nem tens uma protecção ou rede de segurança para assegurar que tudo vai correr bem e não te vais “espatifar” no chão.

 

Raramente vai existir o momento perfeito para dar o salto… alguma coisa vai sempre faltar, mas se existir coragem, É POSSÍVEL AGIR!


Agir apesar do medo, das dúvidas e das inseguranças.

 

É possível alterar a nossa rota e deixar aquele relacionamento tóxico que só te faz mal ou aquele trabalho que te deixa doente todas as manhãs. É possível conquistar uma nova vida e até quem sabe uma nova carreira… mas é preciso coragem.


Vim passar o Natal com familiares a Nova Iorque e vi há poucos dias uma representação da peça “To Kill a Mockingbird” inspirada no livro de Harper Lee, com o mesmo nome, (em Portugal o livro chama-se “Por Favor Não Matem a Cotovia”) que lida, entre outras coisas, precisamente com o tema da coragem.

 

Para quem nunca chegou a ler, o livro tem como personagem principal Atticus Finch, um advogado que defende um homem negro injustamente acusado de violar uma mulher branca no Sul dos Estados Unidos dos anos 30 e enfrenta represálias de uma comunidade racista.

 

O livro é narrado pela sensível Scout, filha do advogado que ao longo do romance aprende valiosas lições, como por exemplo, não atacar quem é mais fraco, saber colocar-se no lugar do outro e, principalmente, que a vida nem sempre é justa mas nunca devemos desistir da luta mesmo quando há fortes chances de perder.

 

O cliente de Atticus estava condenado a partir do momento em que foi acusado mas mesmo assim o advogado nunca desistiu da sua defesa, enfrentando com coragem todos à sua volta para fazer o que era correcto (ainda que sem grandes resultados).

 

Isto recorda-me uma citação de Michelle Obama, que diz: “ Nem sempre a sua vida será confortável e nem sempre você será capaz de resolver todos os problemas, mas não deve subestimar a sua importância, porque a história mostrou-nos que a coragem pode ser contagiante e a esperança pode ter uma vida própria”.


Gosto de pensar que é mesmo assim. Basta ver como é fácil ficarmos inspirados por alguém que larga tudo para perseguir os seus sonhos. A sua crença faz-nos acreditar que o mesmo pode ser válido para nós, mas nem sempre temos a coragem de dar um passo semelhante.


Não estou a dizer que seja fácil… muito pelo contrário, principalmente quando há gente que depende de nós e uma série de compromissos (financeiros ou outros) assumidos.


A coragem para alterar o que está pré-definido não significa ausência de medo, mas sim a capacidade de enfrentar esse mesmo medo.

 

Desejo por isso a todos vós um excelente 2019, cheio de saúde, coragem, força de vontade e acção. Tenho a certeza que tudo o que é bom, virá por acréscimo 😃

 

Imagem de 26-12-18 às 18.17

 

Tchau!
Travellight

14 comentários

Comentar post