Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

Seg | 07.05.18

DESTINOS DE LUA DE MEL | ST. LÚCIA, CARAÍBAS

PA023210.JPG

  Fotos: Travellight, R.J. River e H. Borges

 

Ahhh… Santa Lúcia! Acabei de chegar e só me apetece voltar 😃

 

Sabem aquele tipo de lugar que parece um cartão postal? Pois bem, é assim a ilha de St. Lúcia.

Ainda não tinha posto os pés em terra e já estava deslumbrada com a sua beleza natural! 

 

fullsizeoutput_25ac.jpeg

 

Se pensam visitar este paraíso anotem aí aquilo que não podem perder:

 

Visitem primeiro a região de Soufrière no sul da ilha. As praias são maravilhosas!

 

fullsizeoutput_2527.jpeg

 

A sua paisagem é muito verde e luxuriante, coberta por floresta tropical. É dominada por dois picos vulcânicos apelidados de Gros et Petit Pitons (Grande e Pequena Piton).

 

stlucia.jpg

 

O Tet Paul Nature Trail é uma trilha que podem percorrer com um guia local para conhecer melhor aquela parte de Santa Lucia e saber um pouco mais da sua história.


A caminhada completa pode ser feita em 45 minutos - um pouco mais ou um pouco menos, dependendo das vezes que paramos para fotografar e admirar a vista (o que no meu caso aconteceu com bastante frequência).

 

fullsizeoutput_25b4.jpeg

fullsizeoutput_25a2.jpeg

 

PA023218.JPG


Uma coisa que se destaca em Soufrière são os espantosos resorts e hotéis. Tive oportunidade de conhecer 3 deles que eram verdadeiramente espectaculares:


- O hotel Jade Mountain, onde fiquei hospedada merece um post individual que escreverei mais tarde.

 

fullsizeoutput_25a3.jpeg

JADEMOUNTAIN.jpg

  

- O Resort Sugar Beach Viceroy onde fui conhecer o SPA Rainforest

 

RAINFORESSPA.jpg

 

- O Hotel Chocolat onde tive oportunidade de almoçar e observar todo o processo de produção do chocolate desde o cacaueiro até à barra que compramos na loja.

 

HOTELCHOCOLATBEANTOBAR.jpg

PA023256.JPG

 

Ainda na região de Soufrière vale a pena dar um passeio até às quedas de água de Toraille e fazer um passeio de barco.

 

fullsizeoutput_2526.jpeg

stlucia5.jpg

 

Outras actividades divertidas e interessantes que podemos fazer por aqui são andar a cavalo e visitar as nascentes de origem vulcânica (Sulphur Springs) para experimentar a lama medicinal que segundo dizem faz maravilhas pela nossa pele (isto não posso comprovar porque não usei).

 


O Norte da Ilha é mais comercial, menos intimo e romântico que o Sul mas não deixa de ter o seu encanto.

 

Aconselho uma visita à cidade de Castries, capital da ilha - especialmente ao mercado local e à Igreja da Imaculada Concepção.

 

stlucia6.jpg

 

Ziplining no Rainforest Adventure Park é igualmente uma actividade imperdoável. Há 12 linhas no total e é divertido mas ao mesmo tempo assustador deslizar por ali fora. É difícil mantermos-nos em linha recta e não ficar preso no meio do caminho, a perfeição exige alguma prática.

 

A zona de Marigot Bay tem os melhores hoteis e restaurantes da região norte da ilha e é um bom lugar para provar as especialidades culinárias de St. Lucia.

 

fullsizeoutput_2515.jpeg

 

E aí está, uma rápida apresentação de Santa Lúcia, uma das mais bonitas ilhas das Caraíbas 😃

 

DICAS:

* A melhor maneira de chegar a St. Lúcia é ir de Lisboa para Londres Gatwick e depois de Londres Gatwick para Vieux Fort (Hewanorra International Airport). O bilhete ida e volta de Londres com a British Airways ou com a Thomsonfly fica por cerca de 640,00 Euros (se marcarmos com antecedência);


* Em Santa Lúcia a condução é à esquerda como em Inglaterra, há poucos sinais de transito e poucos semáforos e as estradas são estreitas e tem muitas curvas. Assim só é recomendado alugar um carro a quem for um condutor muito experiente;


* Não é má ideia negociar com um taxista o preço para ele vos acompanhar um dia inteiro;


* Vi poucas máquinas ATM (multibanco) e fora dos hotéis e resorts os cartões de crédito e debito raramente são aceites por isso convém trazer dinheiro em US dólares (amplamente aceito) ou em euros para trocar pela moeda local - ECD (East Caribbean Dólar);


* A maioria das pessoas fala inglês, por isso, para quem fala este idioma a comunicação é fácil;


* 10% da taxa de serviço por cada dia de estadia é automaticamente adicionado à conta da maioria dos hotéis e resorts por isso contem com isso quando forem fazer o check-out;


* É imprescindível levar protector solar e usar repelente de insectos (alguns hotéis oferecem gratuitamente).

 

Tchau!

Travellight

10 comentários

Comentar post