Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

A VILA DE MÉRTOLA

Olá amigos viajantes,

 

No fim de semana passado dei um belo passeio pelo Alentejo e pela bonita Vila de Mértola.


Vocês já conhecem esta histórica Vila Portuguesa?

P1210425.JPG

 

Há algum tempo que não ia lá mas a sua beleza continua a fascinar-me 😊.

 

Empoleirada numa colina, na junção da Ribeira de Oeiras com o Rio Guadiana, Mértola parece um cartão postal que nos deslumbra à medida que aproximamos-nos e começamos a avistar o antigo castelo mourisco, as muralhas e as casinhas caiadas de branco.

 

P1210441.JPG

 

Mas mais do que uma linda vila, Mértola é um impressionante museu ao ar livre, onde a cada passo encontramos vestígios de antigas culturas mediterrânicas.

 

Mértola é mesmo um dos locais em Portugal onde existem mais vestígios do tempo dos Mouros. A igreja Matriz, por exemplo, hoje classificada como monumento nacional, é na verdade uma antiga mesquita.

 

P1210280.JPG

P1210396.JPG

 

O castelo de Mértola também é originalmente do período mourisco e fora das muralhas existe o antigo bairro Mouro.

 

P1210369.JPG

P1210382.JPG

 
Durante o período mourisco, Mértola rompeu com o resto do império e um líder sufi chamado Ibn Qasi até fez uma aliança com o Rei D. Afonso Henriques. Uma estátua colocada à frente do castelo homenageia este histórico líder.

 

P1210354.JPG

P1210356.JPG

 

A vila tem ainda um instituto de estudos islâmicos e um festival, que este ano terá lugar de 18 a 21 de Maio, que celebra (de dois em dois anos) o seu passado mourisco.

 

Durante os dias em que decorre o festival, as ruas de Mértola transformam-se num souk, uma série de concertos de todos os tipos de música mediterrânica acontecem, desde o castelo até ao cais, juntamente com dezenas de outros eventos culturais.


Esta é uma bela desculpa para visitar a região 😊

SAM_7441.JPG

SAM_7497.JPG

 

A cidade de Mértola possui vestígios monumentais dos tempos românico e islâmico, mas também de tempos mais antigos, como o Fenício e o Púnico.


A parte navegável do rio Guadiana, que flui para as águas Atlânticas do Algarve, demarcando a fronteira sul entre Portugal e Espanha, termina aqui.

 

A cidade - Myrtilis, como era conhecida durante a época romana - foi estrategicamente importante nas conquistas da região e um ponto de entrada de produtos na Península Ibérica.

 

P1210385.JPG

P1210395.JPG

 

Tudo isso pode ser entendido nos 15 centros museológicos de Mértola, que vão da Antiguidade à Idade Média - basta visitar, por exemplo, a Casa Romana na Mesquita Velha, a Acrópole, a Basílica, o Castelo ou admirar a imponente Torre do Rio.

 

P1210328.JPG

 

A história, as ruas estreitas, as portas coloridas, as varandas e (não esquecer nunca) a boa comida, tudo cativa e faz-nos sorrir.

 

FullSizeRender.jpg

IMG_2313.JPG

FullSizeRender.jpg

P1210398.JPG

P1210248.JPG

 

fullsizeoutput_104a.jpeg

 

E por fim, como se tudo isto não bastasse, Mértola é ainda rodeada pelo belíssimo Parque Natural Vale do Guadiana, lar da rara cegonha negra.

 

P1210225.JPG

 

Por isso já sabem, razões não faltam para visitar Mértola, mas vou dar-vos ainda mais uma: a 17 km ao norte de Mértola, na estrada para Serpa, está a Mina de São Domingos, uma antiga mina de cobre e pirite cuja sede foi agora o convertida no Hotel São Domingos (Alentejo Star Hotel).

 

Aqui podemos fazer passeios de bicicleta, passeios de jipe, BTT e caminhadas; O Rio Guadiana e a praia fluvial fica perto o que é excelente para desportos náuticos como a canoagem; Se visitarem no Verão podem aproveitar ainda a grande piscina do Hotel e um lindo jardim para relaxar.


O Hotel tem também um telescópio topo de gama e um observatório que permite a observação directa de um dos céus mais estrelados do mundo. 

 

fullsizeoutput_1046.jpeg

 

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram e no Facebook

 

Tchau!
Travellight