Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

PALÁCIO DOS MARQUESES DE FRONTEIRA

fullsizeoutput_20f0.jpeg

 

Há lugares que ficam muito perto de nós mas que talvez por isso mesmo estamos sempre a adiar visitar.

 

Para mim o Palácio dos Marqueses de Fronteira é um desses casos, mas num destes fins de semana resolvi que não podia adiar mais e fui conhecer este belíssimo edifício, classificado como Monumento Nacional, situado em São Domingos de Benfica e considerado um dos melhores exemplos da arquitectura palaciana do séc. XVII em Portugal.

 

fullsizeoutput_20e6.jpeg

fullsizeoutput_20e8.jpeg

PC023346.JPG

fullsizeoutput_20e9 (1).jpeg

 

Foi mandado construir pelo 1º Marquês de Fronteira, D. João de Mascarenhas e inaugurado por volta de 1675. Primeiro usado como pavilhão de caça e casa de campo, foi alvo de melhoramentos e ampliação após o terramoto de 1755. À arquitectura maneirista de séc. XVII juntaram-se então belas decorações barrocas, e passou a ser a residência permanente da família, que ainda hoje aí habita.

 

O Palácio encerra uma grande riqueza de azulejos que se destacam na Sala dos Painéis Holandeses, na Galeria das Artes e na Sala das Batalhas onde grandes painéis retratam a história do 1º Marquês de Fronteira, herói da Guerra da Restauração.
 

Os jardins do palácio, de desenho geométrico, são magníficos. Tem influência Francesa e Italiana e estão repletos de fontes e estátuas.

 

fullsizeoutput_20d9.jpeg

Palacio MF 2.jpg

PC023126.JPG

fullsizeoutput_20eb.jpeg

PC023329.JPG

 

Logo à saída da casa, no Terraço da Capela, ou Galeria das Artes encontramos mais painéis de azulejos onde estão representados as sete artes liberais guardadas por estátuas de divindades gregas e bustos de imperadores romanos. Seguindo em frente deparamos-nos com uma pequena capela, que se julga ser anterior ao próprio palácio. Ao seu lado estão umas escadas que descem para o piso inferior até à Casa do Fresco, uma mini-gruta artificial com uma fonte à frente e em volta uns interessantes painéis de azulejo.

 

PC023099.JPG

Palacio MF 1.jpg

PC023094.JPG

fullsizeoutput_20da.jpeg

PC023157.JPGfullsizeoutput_20db.jpeg

PC023170.JPG

 

No Grande Jardim ou Jardim Clássico, com fortes influências francesa e italiana, destaca-se a Galeria dos Reis com bustos de todos os reis portugueses até D. João VI e um tanque tão grande que mais parece um lago, com cisnes e tudo. Nas extremidades duas escadarias conduzem à galeria de esculturas, onde estão retratados os reis de Portugal e D. Nuno Álvares Pereira.

 

PC023194.JPG

Palacio MF 3.jpg

fullsizeoutput_20ee.jpeg

fullsizeoutput_20e2.jpeg

fullsizeoutput_20ec.jpeg

 

Mais uma curiosidade do jardim são os painéis de azulejos que limitam o Jardim Formal. Os painéis representam os Quatro Elementos, mas um deles, o que representa o fogo, perdeu-se e foi substituído por um painel de Paula Rego o que não só renova a tradição ornamental do palácio, como obriga a reinterpretá-la.

 

PC023315.JPG

 

Uma jóia que com toda a certeza vale a pena visitar ou revisitar. Se precisam de mais uma desculpa para vos convencer que tal um concerto de entrada livre?

 

No dia 27 de Janeiro de 2018, Sábado às 16h00, o Palácio Fronteira com o apoio da Antena 2, Camerata Atlântica, Instituto Politécnico de Lisboa, Junta de Freguesia de São Domingos de Benfica, e Associação do Turismo de Lisboa, apresenta os Laureados do III Concurso Nacional 
 
A entrada é livre, limitada à capacidade da sala. Para inscrições e informações contactar:

fcfa-cultura@fronteira-alorna.pt  

telf: 217 784 599        

 

Horário das Visitas

Não há visitas aos Domingos e Feriados.


Palácio:

O interior do Palácio só é visitável de manhã. Todas as visitas ao interior do Palácio são guiadas.

Junho a Setembro: 2ª a Sábado às 10h30; às 11h00; às 11h30 e às 12h00.

Outubro a Maio: 2ª a Sábado às 11h00 e às 12h00.

Para visitas de grupo (mais de 10 pessoas) por favor telefonar previamente para 217 782 023.


Jardins:

Junho a Setembro: 2ª a 6ª entre às 10h30 e as 13h00 e entre as 14h00 e às 17h00 e aos Sábados entre as 10h30 e as 13h00.

Outubro a Maio: 2ª a 6ª entre as 11h00 e as 13h00 e entre as 14h00 e as 17h00 e aos Sábados entre as 11h00 e as 13h00

 

Para mais informações consultem o site Fundação das Casas de Fronteira e Alorna 

 

Tchau!

Travellight

ATTERO I UMA EXPOSIÇÃO A NÃO PERDER

PB113578.JPG

 

Às vezes não é preciso ir muito longe para ver cenários diferentes e ser transportado para outros mundos. A arte tem essa capacidade de nos fazer viajar sem sair do lugar. Neste fim de semana tive a oportunidade de fazer uma dessas viagens quando visitei a extraordinária exposição "ATTERO" de Bordalo II em Xabregas, Lisboa.

 

PB113580.JPGBordalo 1 (1).jpg

PB113582.JPG

Bordalo 2.jpg

PB113585.JPG

 

O artista de rua Português Artur Bordalo, mais conhecido como Bordalo II, que há anos aborda o problema do lixo urbano através da sua fantástica arte da rua, transforma sucata, latas velhas, pneus, pedaços de madeira, peças electrónicas, e outras coisas que habitualmente encontramos no lixo, em bonitos animais coloridos e fantásticos cenários.

 

Das suas colagens resultam criações que dão nova vida a paredes antes tristes ou edifícios abandonados e provam o velho ditado que diz que o lixo de um homem pode ser o tesouro de outro.

 

PB113586.JPG

PB113587.JPG

PB113591.JPG

 

As suas obras apelam à nossa consciência social e moral. Fazem-nos pensar sobre o desperdício e sobre as toneladas de lixo que produzimos diariamente.

 

Quando vemos animais e cenários naturais criados a partir de materiais que em última análise podem ser responsáveis pela sua destruição, isso dá-nos que pensar.

 

fullsizeoutput_1ddc.jpeg

 

Bordalo 3.jpg

Bordalo 4.jpg

Bordalo 5.jpg

 

PB113568.JPG

 

As nossas atitudes e comportamentos estão a deixar o nosso mundo doente e é isso que Bordalo II nos mostra de uma forma original e maravilhosa.

 

PB113608.JPG

Bordalo 7.jpg

 

Fiquei muito contente de ver tantas crianças a visitar esta exposição com os pais. Da educação vem a mudança. Se a mensagem que Bordalo II tenta passar chegar a estas jovens mentes, pode ser que o futuro seja bem melhor 😊

 

A SABER:

ONDE: Rua de Xabregas nº 49

ATÉ QUANDO: Até 26 de Novembro 2017

PREÇO: Exposição gratuita

HORÁRIO: de Quarta-feira a Domingo das 14h00 às 20h00

MAIS: - No âmbito da exposição Bordalo II criou três peças de rua, que fazem parte da série “Big Trash Animals”: uma raposa na Avenida 24 de Julho, um sapo na Rua da Manutenção e um macaco no pátio do armazém onde está patente “Attero”

 

Bordalo 6.jpg

 

-“Attero” inclui também várias actividades, como visitas para as escolas mediante marcação, apresentações de produtos ecológicos e inovadores parceiros da exposição, apresentação de um projecto da Câmara de Lisboa e ‘workshops’ para crianças”.

 

Não deixem de visitar!

 

PB113549.JPG

 

DICA: Se depois da exposição quiserem ir jantar a um lugar onde podem continuar a apreciar obras de Bordalo II parem na Taberna Moderna, a comida é boa, o serviço atencioso e o espaço super agradável.

 

PB113192.JPG

Bordalo 8.jpg

 

Tchau!

Travellight