Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

The Travellight World

Inspiração, informação e Dicas de Viagem

STREET ART

O graffiti e a street art (arte de rua) muitas vezes tem má reputação, mas quando são feitos por artistas verdadeiramente qualificados, e não simples vândalos apenas interessados em destruir e danificar bens públicos,  podem transformar uma cidade num lugar muito mais bonito e interessante.

 

P1280727.JPG

 

Nos últimos anos, e para minha felicidade que sempre fui uma fã incondicional, o interesse por esta forma de expressão artística cresceu bastante e por todo o mundo há ruas e cidades que se transformaram em verdadeiras atracções turísticas por terem obras de artistas reconhecidos como o Britânico Banksy ou o Português Vhils.

 

img_0970.jpg

img_0980.jpg

img_0990.jpg

 

img_1028.jpg

img_1029.jpg

 

Alguém uma vez disse-me que o grafitti e os murais conseguem contar histórias sobre uma cultura sem dizer uma palavra - eu concordo - muita vezes os desenhos são usados para fazer uma critica social ou política.

 

IMG_9938.JPG

 

Os grandes centros urbanos, selvas de concreto com os seus edifícios cinzentos e desinteressantes podem tornar-se opressivos e sombrios. Mas basta um toque de arte para que tudo aquilo que antes era chato, escuro ou decrépito ganhe vida e alegre o ambiente e as pessoas.

 

FullSizeRender.jpg

 

Nas minhas viagens por esse mundo fora (e em Portugal) vi vários bons exemplos disso.

 

Algumas cidades (como Lisboa) até já oferecem tours especializados que percorrem as suas ruas e mostram o que de melhor há nesta área.

 

Deixo em baixo o meu top das melhores cidades para ver este tipo de arte:

 

1- Londres, Reino Unido

 

img_2097 brick.jpg

 

2- Lisboa, Portugal

 

img_5098.jpg

 

3 - Valparaiso, Chile

 

img_3098 valpar.jpg

 

4 - Nova Iorque, EUA

 

img_4098 ny.jpg

 

5 - Paris, França

 

img_ 5098 paris.jpg

 

6 - Melborne, Australia

 

img_2098 melborne.jpg

 

E vocês gostam deste tipo de arte? existe alguma obra na vossa cidade que apreciem especialmente?

 

fullsizeoutput_10dd.jpeg

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram e no Facebook

 

Tchau!

Travellight

 

LIVERPOOL I MAIS DO QUE OS BEATLES E O FUTEBOL

Olá amigos viajantes!

 

Quem aí gosta de música? e dos Beatles? ok, ok, parece-me que já vejo algumas mãos no ar! 😃

 

De facto para os que admiram os Fab Four, Liverpool é uma cidade incontornável. Mas não se enganem, Liverpool é muito mais do que isso.

 

Na cidade onde o futebol é Rei e a musica é Rainha, não falta cultura e história para descobrir.

 

Mas vamos aos factos, que é como quem diz, vamos ao meu top 12 de coisas para ver e fazer em Liverpool:

 

IMGP7506.JPG

 

1- Beatles

 

Liverpool é o berço dos Beatles. Por isso por todo o lado há referencias e a este marco da música internacional. Quem visita a cidade e é fã do grupo não pode deixar de fazer algo relacionado com este tema. Há muita escolha. Podemos optar por fazer um "Beatles Tour" que visita todos os locais que foram emblemáticos na vida dos quatro amigos enquanto viveram em Liverpool e que mais tarde até deram origem a músicas famosas do grupo como Penny Lane e Strawberry Filds; Ou visitar o Museu dos Beatles (The Beatles Story) ou ainda passar no The Cavern, casa de espectáculos onde os Beatles se estrearam.

 

fullsizeoutput_10cb.jpeg

 

2- Albert Dock

 

Liverpool é uma importante cidade portuária e um porto antigo de Inglaterra. Albert Dock foi a primeira instalação do tipo a ser construída na Grã-Bretanha usando apenas tijolos e ferro. O resultado é um impressionante bloco de edifícios -  antigos armazéns - onde no passado, eram descarregados o algodão, tabaco e açúcar.


Estas enormes estruturas vitorianas foram restauradas e hoje albergam luxuosos apartamentos, designer boutiques, restaurantes, cafés e museus.


É um local bem agradável para passear.

 

img_7760.jpg

 

3 - Tate Gallery

 

Esta ramificação do London Tate Gallery - estabelecida no final do século XIX com um legado do magnata do açúcar Sir Henry Tate -fica num dos antigos armazéns de Albert Dock onde o açúcar bruto era armazenado antes de ser refinado. O “Tate of the North" tem salas de exposição e galerias dedicadas à arte contemporânea, bem como obras emprestadas pela galeria de Londres.

 

victoria-gallery-museum.jpg

4 - Victoria Gallery and Museum

 

O museu apresenta grandes colecções de esculturas e cerâmicas, juntamente com uma impressionante variedade de pinturas de artistas como Lucian Freud e J. M. W. Turner. O edificio também possui um agradável café e loja.

 

IMGP7527.JPG

 

5 - Museu Marítimo em Liverpool

 

Este Museu tem uma impressionante colecção de artefactos ligados ao mar, que remontam ao tempo do estabelecimento de Liverpool como porto de pesca no século XIII.

 

Fascinantes são igualmente as exposições relacionadas com o Titanic e o Lusitânia, dois dos mais famosos - e trágicos - navios de passageiros da história.

 

 

fullsizeoutput_10cc.jpeg

fullsizeoutput_10ce.jpeg

fullsizeoutput_10cf.jpeg

 

6 - A Catedral Metropolitana Católica de Liverpool

 

A igreja foi construída em formato circular em vez do formato tradicional em cruz. O edifício moderno tem forma de cone e na sua porta principal há uma torre que contem quatro sinos. A entrada é livre a todo o público e é possível fazer um tour pela Catedral.

 

img 7761.jpg

 

 

7- Birkenhead Park

 

Encontra-se no lado oeste do Rio Mersey e está ligada a Liverpool por túneis e um excelente serviço Ferry. Perto do túnel estão as ruínas de uma abadia beneditina do século XII com uma capela, cripta e refeitório. Birkenhead Park, o primeiro parque financiado publicamente na Grã-Bretanha, abriu em 1847 e tem três entradas com arquitetura gótica, italiana e normanda, bem como dois lagos e uma ponte ornamentada. Também digna de nota é a Galeria de Arte Williamson e Museu com sua colecção de primeira classe de fotos e porcelanas.

 

PROP130208-002-Liverpool_Arsenal.jpg

 

8 - Liverpool FC 

 

Liverpool é famosa em todo o mundo, e grande parte desta fama vem do Liverpool Football Club. 'The Reds’, como é conhecido, é um clube inglês de futebol da Premier League com estádio em Anfield.
Visitar Anfield é uma das melhores coisas para fazer em Liverpool se o futebol for a vossa paixão. Mesmo quem não é adepto não consegue ficar indiferente ou deixar de sentir um arrepio na espinha quando ouve milhares de fãs do Liverpool a cantar o hino 'You'll Never Walk Alone’.

 

St.George's.Hall.original.26138.jpg 

 

9- St George's Hall Liverpool 

 

Vale a pena apreciar a fachada deste edificio com suas colunas e estátuas coríntias. Sua sumpetuosidade decora o Grande Salão que ostenta um dos maiores órgãos do mundo e é muitas vezes usado para concertos.

 

img_7762.jpg

 

10 - Croxteth Hall

 

Esta encantadora mansão Eduardiana nos arredores de Liverpool vale bem a pena explorar. Durante a visita podemos ver inúmeros quartos cheios de mobiliário e personagens representando tanto os proprietários ricos como os seus funcionários, e também uma majestosa escadaria central. 

 

Se viajarem com crianças este é um bom sitio para passear. As crianças adoram a oportunidade de interagir com os animais da quinta que está estabelecida na propriedade e visitar o belo jardim vitoriano e o parque natural de 500 acres que tem muitas trilhas agradáveis de percorrer.

img_7766.jpg

 

11 - Sefton Park

 

Jardim particularmente bonito, com um Green Flag Award e Green Heritage Award. No parque, há um lago para passeios de barco e a Palm House, um edifício vitoriano. A casa de palma hospeda eventos durante todo o ano, dos jogos e dos eventos musicais ao yoga. 

 

 

img_7763.jpg

 

12 -  As Praias

Liverpool e a área circundante tem algumas praias lindas, como Formby Beach onde podemos assistir a um belo pôr do sol ou fazer fantásticas caminhadas pela natureza!

 

fullsizeoutput_10d1.jpeg

 

Liverpool, que à primeira vista pode parecer uma cidade cinzenta e surumbática acaba por revelar-se, depois de a conhecermos um pouco melhor, uma cidade bonita e única, com toneladas de história, muita alma, um grande coração e simpáticos cidadãos com um sotaque difícil de entender até para quem fala bem inglês😀

 

Sigam as minhas a venturas mais recentes no Instagram e no Facebook

 

Tchau!

Travellight

 

 

COCKTAIL DEATH BY CHOCOLATE

DeathByChocolate-115932242.jpg

 

A vossa cara metade gosta de chocolate? 

 

Procuram algo simples e fácil de oferecer que não seja a tradicional caixa de bombons?


Que tal surpreender com este doce cocktail apropriadamente chamado "Death by Chocolate”.

Aposto que o vosso amor vai ficar todo derretido!😍

 

 

INGREDIENTES

2 bolas de sorvete de chocolate

30 ml de xarope de chocolate

30 ml de licor de café

30 ml de licor de creme de cacau

30 ml de vodka

1 chávena de gelo esmagado

 

PARA DECORAR

Chantilly

1 cereja ou morango

 


PREPARAÇÃO

Junte todos os ingredientes num liquidificador e bata até a mistura ficar homogénea.

Despeje num copo alto e decore com o chantilly e com a cereja ou com o morango.

FUGIR PARA PERTO I A DUNA DA CRESMINA

As belezas do nosso país nunca deixam de me encantar…

 

Mesmo no Inverno, quando o tempo é frio e a chuva teima em cair, há tantos locais perto para onde podemos escapar e fugir um pouco do quotidiano repetitivo que nos asfixia.

Onde podemos voltar a respirar e recarregar baterias.

 

Andar a pé pela duna da Cresmina, na praia do Guincho, Cascais, é um bom exemplo disso  😊


Eu gosto de passear por lá, perdida nos meus pensamentos, enquanto recupero o equilíbrio que muitas vezes o stress diário me rouba.

 

fullsizeoutput_f4e.jpeg

 

Mas um passeio por aqui pode ser também uma oportunidade de aprendizagem.


Os passadiços em madeira, que nos permitem caminhar sobre as dunas sem provocar quaisquer danos ambientais, repartem-se por três caminhos:


1- Do núcleo interpretativo, até à estrada em frente à Fortaleza do Guincho;

2- Do cruzamento para a Rua da Areia até à praia do Guincho;

3- Trajecto deambulatório à duna da Cresmina, perto do parque de campismo.

 

P1070017.JPG

 

O Núcleo de Interpretação da Duna da Cresmina é um espaço criado com o objectivo de dar a conhecer o sistema dunar Guincho-Cresmina.


O Núcleo promove várias actividades (que requerem marcação prévia) que ajudam a compreender a flora e fauna únicas que aqui vivem em perfeita harmonia com os insectos, répteis e aves, formando o delicado ecossistema das Dunas de Guincho-Cresmina.

 

Durante os passeios guiados é possível observar aves e plantas nativas e ainda identificar as várias espécies animais da região.

P1070062.JPG

 

O centro de visitantes inclui também um café com uma pequena esplanada onde podemos relaxar e apreciar o pôr do sol após as caminhadas.

 

P1070046.JPG

 

É fácil aqui chegar, há muito estacionamento disponível nas redondezas (e um parque de estacionamento ao lado do Núcleo de Interpretação na Rua da Areia).

 

Para quem vem de transportes públicos, os autocarros 405 e 415 que partem do terminal de autocarros de Cascais param directamente em frente da Duna da Cresmina, Núcleo de Interpretação.

 

P1070051.JPG

E vocês? tem algum sítio perto para onde gostam de fugir? Eu gostava muito de saber 😀

 

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram  e no Facebook!

 

Tchau!

Travellight

MARK RYDEN I A CASA DAS MARAVILHAS

Olá amigos viajantes,

 

Conforme vos contei no meu post sobre Málaga, enquanto deambulava pela cidade tive a oportunidade de visitar o Centro de Arte Contemporânea (CAC) e ver, gratuitamente, uma exposição retrospectiva (a primeira na Europa) do  artista surrealista-pop norte americano, Mark Ryden intitulada "Cámara de las maravillas"

 

fullsizeoutput_10b6.jpeg

 

Há muitos anos que sou fã do seu trabalho, que conhecia essencialmente das capas de alguns álbuns pop/rock clássicos dos anos 90, como “Dangerous” de Michael Jackson, “One Hot Minute”dos Red Hot Chili Peppers ou “Love in an Elevator” dos Aerosmith.

 

Eu aprecio muito o surrealismo e a forma como combina imagens não relacionadas para criar cenas que nunca poderiam existir na vida real. Mark Ryden é um mestre nesta arte e por isso as suas pinturas e esculturas fascinam-me.

 

fullsizeoutput_10a3.jpeg

fullsizeoutput_10a1.jpeg

fullsizeoutput_10ab.jpeg

 

A sua obra é bela, simples e limpa no traço mas cheia de detalhes e carregada de conotações da cultura pop (muitas delas especificamente Americanas). O resultado final é deslumbrante.

 

 

fullsizeoutput_10a9.jpeg

 

Cada pintura é nos “servida” como uma enorme fatia de um bolo em camadas, onde a cada “dentada” descobrimos um novo sabor.


Muitas das obras tem imensa informação para processar mas é aí que reside todo o impacto do trabalho de Mark Ryden.

 

fullsizeoutput_10b9.jpeg

 

As imagens à primeira vista podem parecer doces mas olhando mais de perto tem algo de sinistro.

 

Tal como na vida real todos temos algo de bom e algo de mau, algo de princesa e de bruxa, de Dr. Jekyll and Mr. Hyde.

Não admira que o Stephen King tenha escolhido Ryden para ilustrar as capas de alguns dos seus livros.

 

fullsizeoutput_10a5.jpeg

fullsizeoutput_10af.jpeg

 

A carne, por exemplo, é um tema recorrente no seu trabalho. Segundo Ryden, “ a carne é a substância física que nos torna vivos e através dos quais vivemos nesta realidade. Todos nós usamos os nossos corpos que são como um vestido de carne”.

Parece que esta afirmação já serviu de inspiração a outra referência da cultura pop actual - Lady Gaga (lembram-se do vestido de carne que ela usou à uns anos atrás numa qualquer entrega de prémios?)

 

fullsizeoutput_10ad.jpeg

Se visitarem Málaga não percam esta exposição. Para quem gosta do género, vale muito a pena! 😊

 

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram e no Facebook

 

Tchau!

Travelight

 

 

SHEPHERDS’ PIE

sheperds-pie2.jpg

 

Shepherds’ pie é um empadão típico da culinária Inglesa, servido em qualquer bom Pub Inglês e que tem por base carne moída e puré de batata.

 

Supostamente, a expressão “Shepherds pie” está relacionada com a introdução da batata na Inglaterra, no século XVIII;


Conta a história que os ingleses estavam habituados às tortas de carne feitas com massa de farinha de trigo e não gostaram muito das batatas, mas os mais pobres descobriram que este ingrediente permitia fazer empadões e era uma forma barata de aproveitar restos de carne.

 

 

O nome “shepherds’ pie” ou “torta dos pastores” terá aparecido para referir os empadões feitos com carne de carneiro ou borrego (ocupação principal dos pastores na Inglaterra). 

 

Segue em baixo a receita para quem quiser experimentar:


Ingredientes 

(para 4 Pessoas):


* Massa Folhada congelada

* 725 gr. de Carne de borrego ou vaca picada 

* 1 Cebola picada 

* Cenouras cortadas aos cubos pequenos q.b.

* Milho, Ervilhas q.b. 

* 1 1 / 2 a 2 kg de Batatas (3 grandes) 

* 8 Colheres de sopa de Manteiga 

* 100 ml de Caldo de Carne 

* 1 Colher de chá de Molho Inglês 

* Sal,  Pimenta, q.b.

* Queijo parmesão q.b. 

 

Preparação:

1- Descasque as batatas e corte-as em quartos. Ferva a água com sal e coze-as até ficarem macias. (cerca de 20 minutos).

 

2 Enquanto as batatas cozem, derreta 4 colheres de manteiga numa frigideira grande.

 

3- Refogue as cebolas na manteiga em lume médio até ficarem macias (aproximadamente 10 minutos).  Adicione os legumes, de acordo com o tempo de cozimento deles. Adicione o milho as ervilhas no final do cozimento da cebola, ou após a carne começar a estar cozida.

 

4- Adicione a carne moída e refogue ate desaparecer a cor rosa. Tempere com sal e pimenta.  Adicione o molho de worcesterchire, metade do caldo de carne e cozinhe em fogo baixo por 10 minutos, acrescentando o resto de caldo de carne aos poucos se for necessário.

 

5- Em uma tigela faça o puré de batata com a restante manteiga, rectifique os temperos.

 

6- Forre um pirex com massa folhada fina e siga as instruções do fabricante. Ponha o recheio da carne e por cima o puré de batata, pincele com ovo e leve ao forno a 180º aproximadamente 15-30 minutos. Se necessário cubra com papel de alumínio para não queimar.

 

Polvilhe com um pouco de queijo e páprica, e acompanhe com salada.

 

Receita retirada (com algumas adaptações) do site Receitas e Sabores do Mundo

 

 

 

DESCOBRINDO O MELHOR DA ANDALUZIA I A CIDADE DE MÁLAGA

Olá amigos viajantes,

 

Hoje vou levar-vos até Málaga!

fullsizeoutput_1082.jpeg

 

Apesar de esta ser a sexta maior cidade da Espanha, quando passeamos pelas suas ruas parece que estamos a visitar uma pequena e charmosa vila que nos encanta com a sua história, cor e cultura.

Málaga é como um presente que nos dá gosto desembrulhar.

IMG_2366.JPGfullsizeoutput_1083.jpeg

 

P1280510.JPG

 

Há tanto para ver, provar e sentir… Picasso nasceu aqui (o António Banderas também 😜); A oferta cultural é muito boa, há museus, exposições, instalações artistas plásticos na rua e murais lindos pintados nas paredes.

 

P1280511.JPG

fullsizeoutput_1084.jpeg

fullsizeoutput_1090.jpeg

P1280727.JPG

fullsizeoutput_108d.jpeg

fullsizeoutput_1092.jpeg

P1280740.JPG

 

Durante o dia temos ainda as praias (que mesmo no Inverno são agradáveis para passear); À noite a vida nocturna é animada e há muita escolha de bons restaurantes para comer e beber.

 

 

img2761.jpg

 

Para além disso tudo a cidade é também conhecida por ter mais de 300 dias de sol por ano. Eu pude comprovar que isso deve ser verdade pois no final do mês passado quando a visitei, desfrutei de um maravilhoso e solarengo fim de semana.

16 graus em Janeiro não é nada mau! 😀

 


O centro da cidade é rico em património histórico. Por todo lado encontramos edifícios interessantes, carregados de memórias passadas.

fullsizeoutput_1085.jpegfullsizeoutput_1081.jpeg

P1280655.JPG

 

A Catedral da cidade é belíssima e tem interiores extraordinários (apesar de eu achar que 5 € para a visitar é um pouco puxado).

 

Devido a um período muito longo de construção (cerca de 200 anos), a catedral incorpora vários estilos, desde o renascentista, ao barroco e ao neoclássico.

 

fullsizeoutput_1086.jpeg

fullsizeoutput_1087.jpeg

fullsizeoutput_1088.jpeg


Disseram-me que o plano original era a catedral ter duas grandes torres, mas o dinheiro “acabou” e só uma foi terminada, daí ela ser conhecida pelos locais como “La Manquita” (a que só tem um braço).

 

Outras obras que impressionam são o Teatro Romano, que com cerca de 2000 anos é o monumento mais antigo de Málaga; A Alcabaza - uma enorme e bem preservada fortaleza moura do séc. VI, e que tem talvez, a melhor vista de Málaga e o Castelo de Gibralfaro, construído no séc. XIV para proteger a fortaleza que na altura funcionava como Palácio.

 

fullsizeoutput_1091.jpeg

P1280818.JPG

 

Para quem gosta de provar um bom vinho, Málaga é uma cidade sedutora e que não desaponta. Tavernas tradicionais, como A Antigua Casa de Guardia e a Bodega El Pimpi são um ícone na vida cultural e social de cidade e um dos melhores lugares para experimentar o vinho doce, feito a partir de uvas Moscatel e produzido na região desde o tempo dos Romanos.

 

P1280697.JPG

 

Como já disse antes Málaga é o berço de Pablo Picasso, e há dois museus na cidade que o homenageiam: O Museu Picasso, situado no Palácio Mudéjar de Buenavista, que exibe o progresso de Picasso desde a sua juventude até à sua morte em 1973, e a casa onde Picasso nasceu e cresceu na Praça da Merced que exibe itens da vida quotidiana, fotografias, documentos e as obras de seu pai (que também era pintor).

 

P1280658.JPG

P1280666.JPG

 

fullsizeoutput_1089.jpeg

 

Outro museu imperdível é o CAC ( Centro de Arte Contemporânea). Tem entrada gratuita e uma exposição permanente muito interessante. Como exposição temporária está actualmente uma retrospectiva da obra de Mark Ryden, pintor surrealista pop norte americano, que adorei de tal forma que vou ter de fazer um post dedicado só a esta exposição muito em breve.

 

fullsizeoutput_109b.jpeg

fullsizeoutput_109c.jpeg

fullsizeoutput_109d.jpeg

 

O Mercado central de Málaga (Mercado Central de Atarazaras) merece igualmente uma visita. Foi inaugurado em 1879, depois de ter sido construído no que foi outrora um pátio de reparação naval e mais tarde um hospital cristão. Em 2008, foi remodelado. Tem tectos deslumbrantes e um grande vitral na entrada. Lá dentro, como em qualquer mercado, encontramos uma explosão de cores e cheiros, com frutas frescas, queijos e enchidos a despertarem as nossas papilas gustativas e apetite.

P1281083.JPG

 

O Passei Espanã - um parque que conecta a Málaga velha com a nova Málaga - proporciona uma bela caminhada por entre plantas exóticas e pássaros coloridos. Os papagaios fazem um chinfrim terrível mas são muito bonitos de observar.

 

fullsizeoutput_1094.jpegP1280820.JPG

 

Por fim falta referir o Porto de Málaga, um dos mais antigos da Europa e que há alguns anos foi transformado num centro de recreação e comércio.

 

 

fullsizeoutput_1096.jpeg

fullsizeoutput_1098.jpeg

 

Lojas, restaurantes, gelatarias e bares alinham-se em frente à baía permitindo aos locais e aos visitantes aproveitar bem o sol nas esplanadas.

 

Duas obras que se destacam no Porto são uma pérgola projectada pelo arquitecto Jerónimo Junquera e um cubo colorido, que faz parte do Centro Pompidou.

 

fullsizeoutput_1097.jpegfullsizeoutput_1095.jpeg

 

Espero que tenham gostado deste passeio virtual por esta bela cidade!

 

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram e no facebook.

 

Tchau!
Travellight

FOTOS COM HISTÓRIA E POESIA I CAIS

fullsizeoutput_1080.jpeg

 

Esta foto foi tirada ao entardecer em Nyhavn, em Copenhaga na Dinamarca.

 

Esta zona, antigo porto comercial, foi hoje convertida em zona de lazer. As velhas casas foram renovadas e são agora restaurantes.

 

Nyhavn está repleta de pessoas que diariamente aproveitam o ambiente descontraído do canal.

 

Eu era mais uma dessas pessoas que ao entardecer aproveitava a música jazz e a excelente comida quando observei uma largada de balões de ar quente sobre as docas. Este pequeno detalhe transformou o cenário, já de si belo, num dos momentos mais inesquecíveis da minha visita a Copenhaga.

 

 

" CAIS

  Fernando Namora

 

Ténue é o cais 

no Inverno frio.


Ténue é o voo 

do pássaro cinzento. 

 

Ténue é o sono

que adormece o navio.

 

No vago cais 

do balouço da bruma 

ténue é a estrela 

que um peixe morde. 

 

Ténue é o porto

nos olhos do casario. 

Mas o que em fora nos dilui 

faz-nos exactos por dentro."

 

IDEIAS PARA SOLTEIROS NO DIA DE S. VALENTIM

Nesta altura do ano, um pouco por todo o lado só se fala do dia dos namorados, de programas para o dia de S. Valentim, de prendas para ele, prendas para ela, restaurantes especiais para jantar a dois… enfim, até eu publiquei à pouco um post com uma sugestão romântica para esse dia 😜

 

Mas depois fiquei a pensar: então e os solteiros? não tem direito à vida? ser solteiro também é bom e também pode (e deve) ser celebrado 😊.

 

Assim numa tentativa de ser o mais democrata possível seguem em baixo as minhas sugestões para as solteiras e solteiros deste país:

 

O Hotel Evolution Lisboa vai organizar, pelo segundo ano consecutivo, uma festa no próximo dia 14, para todos aqueles que estão solteiros.


Na festa estará, presente um DJ convidado, uma Cigana do Tarot para ler a sina aos solteiros e ainda o Cupido com a esperança de atingir algum solteiro.


A patrocinadora da grande noite é a marca vodka Stolichnaya (vendida segundo o site do hotel a 6 €) que realizará um concurso de fotografia para eleger o Rei e a Rainha dos Solteirões.

 

209-mezzanine.jpg

 

Mas porque esta me parece uma festa para solteiros que na verdade querem deixar de o ser, ficam aqui mais duas sugestões para os que preferem estar sós que mal acompanhados e que não estão com paciência para festas:

 

Que tal tirar a tarde de folga ou “fugir” depois do emprego para um SPA como o do Hotel Myriad, em Lisboa para desfrutar de uma relaxante massagem.

2myriad.jpg

 

Já tive oportunidade de experimentar a massagem “relaxante sayana” e recomendo muito.
Podem consultar o menu de tratamentos aqui 

sw_myriad.jpg

 

O SPA é super agradável e a piscina panorâmica espectacular. O espaço está aberto das 09:00 às 22:00 e os tratamentos podem ser reservados on line

 

fullsizeoutput_107d.jpeg

 

Outra opção divertida, principalmente para os que gostam de futebol e torcem pelo Benfica, é ir ao Estádio ver o Benfica vs Dortmund.

 

maxresdefault.jpg

 

Já repararam que o jogo é no dia dos Namorados? Algo me diz que muitos rapazes com namorada vão marcar mesa num restaurante com televisão e numa mesa virada para o aparelho (fiquem atentas meninas 😜)

 

Tchau!

Travellight

 

UMA IDEIA PARA OS ROMÂNTICOS

Este ano o dia dos namorados caí numa terça-feira 😞. Não dá para fugir para muito longe, mas para os românticos que ainda assim, não desistiram de fazer algo especial com a sua cara metade, deixo aqui uma sugestão que achei bastante interessante.

 

O Hotel Quinta dos Machados Country House & Spa em Mafra está a publicitar o seguinte programa para o dia de S. Valentim:

_1_56a7659138629.jpg

  Fotos do site do Hotel

 

Lock your LOVE!...

 
Programa de 14 de Fevereiro, Inclui:


- Uma noite de alojamento em Quarto Relax Deluxe

- Flute de Champagne à chegada

- Pequeno-almoço buffet com produtos regionais e caseiros

- “Cadeados de Amor” – Deixe a marca do seu amor no nosso lugar encantado

- “Sabores da Quinta a dois”

* Prova de azeites, pão regional de Mafra e azeitonas

* Mimo do chef

* “Boca que apetece, coração que padece” -  Costeletão de Novilho na tábua degustado a dois

* “EnCanto de Chocolate”

* 1 garrafa de Vinho Tinto ou Vinho branco ou Sangria Tinta ou Sangria Branco

- Acesso ao circuito SPA. Circuito equipado com jacuzzi, sauna, banho turco, ginásio, solário e zona de relaxamento

 

VALOR: 139,00€


Suplementos
- 2ª noite – 69,00€
- 3ª ou mais noites: 59,00€
- Upgrade para quarto Premium: 20,00€ por noite
 
Obs.:
Válido para a noite de 14 de Fevereiro 2017

 

_4_56a765a881a07.jpg

_5_56a765acccaa0.jpg

_6_56a765b0bd18a.jpg

_8_56a765ba441e3.jpg

Que tal? Não parece uma boa ideia? 😍